Apresentador americano Larry King morre de covid-19 aos 87 anos

Apresentador americano Larry King morre de covid-19 aos 87 anos

Famoso apresentador de televisão estava internado no Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles

O famoso apresentador de televisão americano Larry King morreu neste sábado (23) aos 87 anos em um hospital em Los Angeles, onde foi internado após ter apresentado sintomas da covid-19.

“É com profundo pesar que a Ora Media anuncia a morte de nosso co-fundador, apresentador e amigo Larry King, que faleceu nesta manhã no Centro Médico Cedars-Sinai, em Los Angeles”, informa comunicado publicado no perfil de King no Twitter.

O apresentador, que comandou um programa de entrevistas por mais de 25 anos na emissora americana CNN, estava internado desde o início deste mês, devido a complicações provocadas pela infecção pelo novo coronavírus.

“Durante 63 anos, nas plataformas de rádio, televisão e meios digitais, as milhares de entrevistas, prêmios e elogios globais de Larry são um testemunho de seu talento único e duradouro como comunicador” diz a nota.https://platform.twitter.com/embed/index.html?dnt=false&embedId=twitter-widget-0&frame=false&hideCard=false&hideThread=false&id=1352960673978880000&lang=pt&origin=https%3A%2F%2Fentretenimento.r7.com%2Ffamosos-e-tv%2Fapresentador-americano-larry-king-morre-de-covid-19-aos-87-anos-23012021&siteScreenName=portalr7&theme=light&widgetsVersion=ed20a2b%3A1601588405575&width=550px

Leia o comunicado em tradução livre:

“Com profunda tristeza, a Ora Media anuncia a morte de nosso co-fundador, apresentador e amigo Larry King, que faleceu nesta manhã aos 87 anos no Cedars-Sinai Medical Center em Los Angeles.

Por 63 anos e em todas as plataformas de rádio, televisão e mídias digitais, as milhares de entrevistas, prêmios e elogios globais de Larry são um testemunho de seu talento único e duradouro como comunicador. Além disso, embora fosse seu nome aparecendo no títulos dos programas, Larry sempre viu seus entrevistados como as verdadeiras estrelas de seus programas, e ele mesmo como um canal imparcial entre o convidado e o público. Fosse entrevistando um presidente dos EUA, líder estrangeiro, celebridade, personagem cheio de escândalos ou um homem comum, Larry gostava de fazer perguntas curtas, diretas e descomplicadas. Ele acreditava que perguntas concisas geralmente forneciam as melhores respostas, e ele não estava errado nessa crença.

As entrevistas de Larry em seus 25 anos no ‘Larry King Live’, na CNN, e seus programas da Ora Media ‘Larry King Now’ e ‘Politicking with Larry King’ são frequentemente referência para meios de comunicação em todo o mundo e continuam como parte da história dos séculos 20 e 21.

Ora Media envia suas condolências para seus filhos Larry Jr., Chance, Cannon e toda a família King.

Detalhes de velório serão anunciados mais tarde em conjunto com a família King, que pede privacidade neste momento”.

FONTE: AGÊNCIA BRASIL.

Deixe uma resposta