Barcelona nega rescisão e abre processo disciplinar contra Arthur
Arthur

Barcelona nega rescisão e abre processo disciplinar contra Arthur

Negociado com a Juventus, jogador tenta antecipar encerramento do vínculo com o clube catalão

A reta final da passagem de Arthur pelo Barcelona segue causando polêmica. Segundo o diário catalão Mundo Deportivo, o clube se negou a rescindir o contrato após pedido do jogador e abrirá um processo disciplinar contra o volante brasileiro.

Negociado com a Juventus para a próxima temporada, Arthur faltou à reapresentação do elenco na segunda-feira e pediu para que seu contrato fosse rescindido. O jogador está no Brasil e não tem mais intenção de vestir a camisa do clube, que contava com ele para a fase final da Liga dos Campeões em agosto.

A atitude foi considerada pelo Barcelona como uma grave falta de profissionalismo. De acordo com o Mundo Deportivo, além de abrir o processo disciplinar, o clube estuda aplicar uma multa nos últimos meses de salário do volante com o clube.

Em junho, Arthur foi vendido para a Juventus em negócio que envolveu a transferência do meia Pjanic para o Barcelona. O acordo prevê que os atletas terminem a temporada de 2020 nos atuais clubes.

A equipe italiana pagou 72 milhões de euros (R$ 437 milhões na cotação da época) para contratar o brasileiro de 23 anos. O valor pode chegar a 82 milhões de euros (R$ 498 milhões) caso algumas variáveis previstas no contrato sejam cumpridas.

FONTE: BAND.

Deixe uma resposta