Ao menos 39 países já aplicam doses da vacina contra covid-19

Ao menos 39 países já aplicam doses da vacina contra covid-19

Número de nações que já iniciaram imunização mais que dobrou com campanhas entre os membros da União Europeia

Com o sinal verde para a vacinação entre os membros da UE (União Europeia) neste domingo (27), pelo menos 39 países já começaram a vacinação contra a covid-19. Neste primeiro momento, as doses estão sendo aplicadas em pessoas do grupo de risco, sobretudo em idosos, e em profissionais da saúde que atuam na linha de frente do combate à pandemia.

A maioria dos países da UE iniciou a vacinação hoje em uma iniciativa conjunta entre os países membros. O bloco europeu adquiriu 12,5 milhões de doses da vacina Pfizer/BioNtech e distribuiu lotes por todos os países membros. Alemanha, Hungria e Eslováquia, porém, se anteciparam e fizeram as primeiras aplicações assim que os lotes de vacina chegaram no sábado.

Em uma mensagem publicada nas redes sociais, a presidente da Comissão Europeia, Ursula von der Leyen, destacou que serão disponibilizadas vacinas para todos os 450 milhões de habitantes do bloco europeu e também para países vizinhos, como Islândia e Noruega.

O início da vacinação pelo mundo coincide com casos de covid-19 provocados por uma nova cepa do coronavírus, identificada no Reino Unido. França, Espanha e Itália já encontraram a mutação do vírus entre pessoas que estavam em território britânico.

Apesar da preocupação por ser uma variante mais contagiosa, ainda não há indicações de que as vacinas – já administradas ou em desenvolvimento – tiveram eficácia diminuida. Portanto, deverão funcionar e criar anticorpos contra o novo coronavírus.

Estados Unidos

Segundo dados levantados pela agência de notícias Bloomberg, o governo Trump administrou 1,9 milhão de doses da vacina da Pfizer/BioNtech desde 14 de dezembro. O presidente eleito Joe Biden toma posse no dia 20 de janeiro e já prometeu aplicar 100 milhões de doses nos três primeiros meses na Casa Branca.

Os EUA são o país que concentra o maior número de casos de covid-19 no mundo. Segundo os dados da Universidade Johns Hopkins, foram mais de 18,9 milhões de pessoas infectadas durante a pandemia.

América Latina

O México foi o primeiro país da América Latina a iniciar a imunização da população no dia 24 de dezembro.

No mesmo dia, Chile e Costa Rica também entraram para a lista de países que conseguiram aplicar as primeiras doses de vacina contra covid-19 ainda em 2020.

Próximos países

A Bélgica, Luxemburgo e Letônia anunciaram que começarão sua campanha de vacinação na segunda-feira (28). A Irlanda se organiza para começar as aplicações na terça-feira (29). A Holanda iniciará sua campanha de imunização em 4 de janeiro.

Na América do Sul, a Argentina será o próximo país a começar uma campanha de vacinação. Diferentemente da maioria dos países, o governo de Alberto Fernández comprou doses da vacina Sputnik V, desenvolvida pela Rússia, que serão aplicadas na terça-feira (29).

Já a população de Cingapura começará a ser imunizada em 30 de dezembro.

Deixe uma resposta