You are currently viewing Google Sala de Aula recebe recurso para funcionar offline

Google Sala de Aula recebe recurso para funcionar offline

Uma das ferramentas mais utilizadas por estudantes durante a pandemia, o Google Sala de Aula está recebendo nesta quarta-feira (17) três importantes recursos do Google for Education. Divulgadas no blog brasileiro da empresa, as funcionalidades já visam a aprendizagem presencial e híbrida implantadas em muitas escolas, mas são voltadas para comunidades onde alunos dependem do uso de celulares, mas possuem conectividade limitada em suas casas.

Nesse sentido, o Google Sala de Aula poderá ser utilizado no modo offline — o aluno baixa os conteúdos, que poderão ser acessados mais tarde mesmo em locais sem acesso à internet. A segunda novidade é a possibilidade de digitalizar e realizar o upload de fotos rapidamente.

Além disso, uma terceira melhoria foi anunciada para professores. Agora, a plataforma permite realizar a atribuição de notas às tarefas, com comentários, diretamente do celular.

Como funcionarão as novidades do Google Sala de Aula?

Fonte: Google Blog Brasil/DivulgaçãoFonte: Google Blog Brasil/DivulgaçãoFonte:  Google Blog Brasil 

A opção Google Sala de Aula no modo offline promete ser útil principalmente para os estudantes sem internet, um contingente que chega a 95,9% daqueles que estudam em escolas públicas, segundo o IBGE. Com o recurso, mesmo com a internet irregular ou até sem ela, os alunos poderão levar os conteúdos ensinados e trabalhos escolares previamente baixados para qualquer lugar e continuar seu processo de aprendizagem.

Por outro lado, o envio das tarefas realizadas também será facilitado pela opção de digitalizar ou tirar fotos rápidas, combinando as diversas imagens em um único arquivo, do tipo “Trabalho de Matemática”. O upload de diversos desses arquivos pode ser feito de forma fácil diretamente para o Sala de Aula.

Finalmente, a nova experiência de atribuição de notas em tarefas via celular permite que os professores executem essa tarefa de forma personalizada, podendo enviar a cada aluno não apenas a avaliação do seu trabalho como também comentários sobre um determinado arquivo ou uma passagem específica. O recurso conta também com um “banco de comentários” com frases mais usadas.

FONTE: TECMUNDO.

Deixe uma resposta